segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

LEMBRE-SE


Lembre-se de que, ao criar uma gota de alegria, você transforma oceanos de negatividade.

Desconfiar do seu sonho é entrar na negatividade.

Seja responsável por seu sonho, porque sua vida é o sonho que você criou.

Tenha fé na verdade de que você possui todo o conhecimento.

MOEDAS DO EVANGELHO: DRACMA


Figura 1: Didracma de cerca de 220 a.C.

Kardec considerava necessário que se estudasse o significado das palavras da época para que a interpretação fosse clara.

Faz-se menção a diversas moedas nos textos evangélicos, por causa da localização da Judéia e dos países vizinhos. Moedas gregas, romanas e locais eram utilizadas pelos habitantes.

Escolhemos algumas e rastreamos seu valor para auxiliar o leitor do Espiritismo Comentado que se interessa pelos estudos evangélicos.

Geralmente há alguma correspondência entre uma moeda antiga e uma medida de produtos comercializados. As moedas podem ser feitas de diferentes metais (bronze, cobre, prata, ouro e electro: uma liga de ouro e prata).

Figura 2: Tetradracma com a efígie de Alexandre O Grande, cunhada próximo ao ano de 300 a.C.

A dracma corresponde em valor a um centésimo de uma “mina” de prata suméria.

Seis mil dracmas equivaliam a um talento de ouro.

Haroldo Dutra afirma que a dracma equivalia ao preço de uma ovelha.

Tucídides (historiador grego clássico) afirma que no século IV a.C. uma dracma era equivalente a um dia de trabalho de um soldado grego e outros historiadores associam uma dracma ao dia de trabalho de um operário qualificado.

Uma dracma valia seis óbulos e seis mil dracmas equivaliam a um talento ateniense.

Encontram-se moedas de valores múltiplos de uma dracma (didracmas, tridracmas, tetradracmas e decadracmas, etc) na antiguidade.

Figura 3: Decadracma de cerca de 400 a.C.

No Evangelho de Lucas, capítulo 15, Jesus conta a parábola da dracma perdida.

FONTE:

BLOG ESPIRITISMO COMENTADO - http://espiritismocomentado.blogspot.com/

DVD PARA SEMPRE PESTALOZZI

A Versátil e a Vídeo Spirite apresentam Pestalozzi para sempre, inédita cinebiografia do educador suíço Johann Heinrich Pestalozzi (1746 - 1827), um dos pioneiros da pedagogia moderna.

Selecionado para o Festival de Cinema de Berlim, este drama tem como destaque a grande atuação do consagrado Gian Maria Volontè (A Classe Operária vai ao Paraíso) no papel-título.

Edição Especial com vários vídeos extras sobre o legado de Pestalozzi e sua importância como educador do filósofo francês Allan Kardec (1804-1869), o Codificador da Doutrina Espírita.

O filme focaliza um período crítico no desenvolvimento das teorias educacionais de Pestalozzi, quando o educador dirigia um internato para crianças pobres de um vilarejo na parte francesa da Suíça.


Título: Para sempre Pestalozzi - Filme com extras espíritas
Título Original: Pestalozzis Berg
Direção: Peter von Gunten
Elenco: Gian Maria Volontè, Rolf Hoppe, Heidi Züger, Christian Grashof, Michael Gwisdek, Corinna Harfouch, Silvia Jost, Angelica Ippolito, Peter Wyssbrod,Käthe Reichel, Isolde Barth
Ano de Produção: 1989
Duração: 110 minutos
Cor: Colorido
Tipo de Diálogo: Livre
Formato da Tela: Fullscreen 1.33:1
Gênero: Drama
Faixa Etária: Livre
País de Produção: Alemanha
Legenda: Português
Idioma: Alemão
Áudio: Dolby Digital 2.0
Região: 4
Cenas de Sexo ou Nudez: Não
Cenas de Violência: Não
Cenas de Racismo: Não
Cenas com Drogas: Não
Código de Barras: 7895233119406


PARA COMPRAR ACESSE O SITE:

http://www.dvdversatil.com.br/vejamais.aspx?id=512

domingo, 30 de janeiro de 2011

GRUPO CORPO E ALMA


Na última quarta-feira (26/01) o GRUPO CORPO E ALMA dirigido pelo médico-cirurgião Dr. Alexandre Santos da Rocha, que trabalha com atendimento médico gratuito à população carente e Evangelhoterapia, completou 4 anos de trabalho initerrupto.

Para comemorar essa data, o grupo se reuniu com muita alegria para agradecer à Espiritualidade maior e festejar juntos, celebrando assim a amizade que vem se solidificando ao longo dos anos.



Em homenagem ao Grupo, deixamos aqui uma mensagem de reflexão:


- CONSERVE A SAÚDE ESPIRITUAL -

Ninguém pode ser feliz, sem forte estrutura espiritual,
capaz de diminuir tensões e explodir em obras de amor ao próximo.

Uma saúde espiritual verdadeira nasce dos bons pensamentos e se concretiza na ação. Pensamentos de caridade e de compreensão aumentam a sua saúde física e espiritual.

Caminhe para a saúde.

Uma saúde espiritual completa brota do amor sentido e vivido.

...


Muita Paz em mais um ano de caminhada!


- A Direção CELC -

PROGRAMA TRANSIÇÃO - 30/01




Neste DOMINGO, 30/01, PROGRAMA TRANSIÇÃO traz como convidado:


SEVERINO CELESTINO


Tema: JESUS E AS MULHERES


Apresentação: Antônio Coelho Filho


--> ATENÇÃO: Agora todos os DOMINGOS às 15:15hs na REDE TV (16:15h para as cidades que estão em horário de verão). Disponível em todas as Parabólicas, TV a Cabo e SKY.


--> REAPRESENTAÇÃO: Na madrugada de quarta pra quinta - 12:45h (01:5h para as cidades que estão em horário de verão)


Transmissão pela TV CEI:

Segunda: 02:30 e 10:30 horas
Terça: 18:30 horas
Quarta: 02:30 e 10:30 horas
Domingo: 18:30 horas


Transmissão pela TV MUNDO MAIOR:

Parabólica Digital ou pela internet www.tvmundomaior.com.br/transicao


Quarta: 19:30 horas
Quinta: 12:30 horas
Sexta: 00:00 hora


Para quem não possui antena, pode assistir os vídeos no site:

http://www.programatransicao.tv.br/

CURSO DE RECEPÇÃO E ATENDIMENTO FRATERNO

DIA: 30/01/2011

HORÁRIO: 15:00h

LOCAL: C.E. LAR DA CARIDADE

MINISTRANTES: FEPI


Aberto a todos os trabalhadores das casas espíritas!!!

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

IV EXPOSIÇÃO ARTE E CURA - PINTURA MEDIÚNICA


ARTE CURA – PINTURA MEDIÚNICA

4ª EXPOSIÇÃO “Pinturas em Telas”

MEDIUNIDADE, ESPIRITISMO E ARTE

Sesquicentenário de “O Livro dos Médiuns”

LOCAL: OFICINA DA PALAVRA
RUA BENJAMIN CONSTANT, 1400 - CENTRO-NORTE
TERESINA-PI

DIAS: 28, 29 e 30 de janeiro de 2011

REALIZAÇÃO: SOCIEDADE ESPÍRITA CASA DE ORAÇÃO E CARIDADE LUZ DE NAZARÉ

O evento contará com a participação do escritor e palestrante espírita LUIZ GONZAGA PINHEIRO / Fortaleza - CE


- PROGRAMAÇÃO -


DIA 28 – SEXTA-FEIRA


19h – Prece de abertura

- Breve apresentação do trabalho do Arte Cura

19h e 30min - Coral da FEPI

20h - Palestra: ”O amor está entre nós” - LUIZ GONZAGA PINHEIRO - CE

21h – Coquetel



DIA 29 – SÁBADO


Das 8 às 18h – Exposição aberta das telas e poesias mediúnicas

8h – Prece inicial para abertura dos trabalhos do dia

8h e 20min – Manifestação PINTURA MEDIUNICA

10h às 12h Seminário 1: “A obsessão, suas causas e conseqüências”LUIZ GONZAGA PINHEIRO

12h às 14h e 50min - INTERVALO

14h e 50min – Reinício das atividades - Prece

15h às 17h – Seminário 2: “O perispírito e suas modelações”LUIZ GONZAGA PINHEIRO

17h às 17h e 20min – INTERVALO

17h e 30min às 19h - DEBATE

19h e 30min – Apresentação Musical NETO PIMENTEL - PI

20h – Prece de encerramento do dia



DIA 30 – DOMINGO


Das 8 às 12h – Exposição aberta das telas e poesias mediúnicas

9h Prece inicial para abertura dos trabalhos do dia

9h e 20min – Manifestação PINTURA MEDIUNICA

Encerramento com apresentação musical: NETO PIMENTEL

11h – Prece final – encerramento dos trabalhos


INFORMAÇÕES:

Paulo James: (86) 8805 9327 / (86) 9917 8133

Lúcia Oliveira: (86) 8834 3070

FEPI: (86) 3221 2500 / (86) 3221 3021

ANIVERSÁRIO DO LAR ESPÍRITA CASA DO SAMARITANO - LECS



Em comemoração ao seu 2º Aniversário, o LAR ESPÍRITA CASA DO SAMARITANO (LECS) convida a todos os trabalhadores espíritas bem como o público em geral para a palestra:

"HÁ ESPÍRITOS?" - César Rocha (RN)

DIA: 29/01

HORÁRIO: 19h

LOCAL: Teatro da Assembléia Legislativa do Piauí

O evento visa arrecadar recursos para aquisição da sede própria.

Comprando o livro "O Evangelho em Fábulas" de Jobrane ou 01 Camiseta no valor de R$15,00, você recebe o exibível para a palestra.

O palestrante César Rocha ministra palestras há mais de 20 anos, totalizando mais de 1.500 apresentações. Além de trabalhar na semeação do Espiritismo, ele segue carreira no Exército Brasileiro, no qual possui a patente de coronel.

MAIS INFORMAÇÕES:

- João Braga: (86) 3222-0479 / (86) 8818-9558
- Glória: (86) 3221-2500

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

IGREJA CATÓLICA APROVA COMUNICAÇÃO COM OS MORTOS


Diz a Palavra de Deus:

Lev. 19:31
Não vos voltareis para os que consultam os mortos nem para os feiticeiros; não os busqueis para não ficardes contaminados por eles. Eu sou o Senhor vosso Deus.

Deut. 18:10-12 Não se achará no meio de ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador, nem quem consulte um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos pois todo aquele que faz estas coisas é abominável ao Senhor, e é por causa destas abominações que o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti.

Lev. 20:6 Quando uma alma se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir após deles, Eu porei a Minha face contra aquela alma, e a extirparei do meio do seu povo.

Lev 19:26 Não comereis coisa alguma com o sangue; não usareis de encantamentos, nem de agouros.

Isa. 8:19 Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os adivinhos, que chilreiam e murmuram entre dentes; – não recorrerá um povo ao seu Deus? A favor dos vivos interrogar-se-ão os mortos?.

A Bíblia declara que os mortos dormem até a ressurreição dos mortos que ocorrerá no dia da volta de Nosso Senhor Jesus Cristo! Assim, esses espíritos” são anjos caídos disfarçados de seres humanos!

A Bíblia proíbe comunicação com os mortos com o fim de adivinhação. Exemplo. Consulto um morto para saber o numero da próxima Loteria, se minha amada me ama de verdade, se o negocio que vou começar vai dar certo. Isto é proibido pela Bíblia. Mas a comunicação com os mortos com a finalidade de ajuda mutua, não é proibida e até é incentivada pela Igreja

Padre François Brune escreveu o best seller OS MORTOS NOS FALAM


O Papa João Paulo II, perante mais de 20.000 pessoas na Basílica de São Pedro, em 2 de Novembro de 1983, disse:


"O diálogo com os mortos não deve ser interrompido, pois, na realidade, a vida não está limitada pelos horizontes do mundo."


Isso foi fartamente publicado nos jornais Italianos da época, mas hoje, poucas pessoas se lembram.


Observem bem, quando a Repórter Ilze Scamparini faz duas perguntas ao Padre Gino Concetti, um dos Teólogos mais competentes do Vaticano:

Ilze Scamparini : Existe Comunicação entre os Vivos e os Mortos ?

Gino Concetti :
Eu creio que sim. Eu acredito e me baseio num fundamento teológico que é o seguinte: Todos nós formamos em Cristo, um Corpo místico, no qual Cristo é o Soberano. De Cristo emanam muitas graças, muitos dons, e se estamos todos unidos, formamos uma comunhão. E onde há comunhão, existe também comunicação.


Ilze Scamparini : O que o Senhor pensa do Espiritismo ?


Gino Concetti : O Espiritismo existe. Há sinais na Bíblia, na Sagrada Escritura, no Antigo Testamento. Mas, não é do modo fácil como as pessoas acreditam. Nós não podemos chamar o Espírito de Michelangelo ou de Raphael. Mas como existem provas nas Sagradas Escrituras, não se pode negar que existe essa possibilidade de comunicação. ( Destaques Nossos ).


Representantes do Vaticano admitem comunicação com os Espíritos !


O Padre Gino Concetti, fala do Mais Além de uma nova maneira. O Padre é irmão da Ordem dos Franciscanos Menores, um dos teólogos mais competentes do Vaticano. É comentarista do LOsservatore Romano, o diário oficial do Vaticano.


A intervenção do padre Concetti, é muito importante, porque, aqui se vêem as novas tendências da Igreja a respeito do paranormal, sobre o qual, até agora, as autoridades eclesiásticas haviam formulado opiniões diferentes. Sustenta ele que, para a Igreja Católica, os contactos com o Mais Além são possíveis, e aquele que dialoga com o mundo dos defuntos não comete pecado se o faz sob inspiração da fé.


Vejamos pois, alguns extractos da entrevista, do Padre Gino Concetti ( P.G.C ) publicada no Jornal Ansa, em Itália, em Novembro de 1996 :


P.G.C. -
Segundo o catecismo moderno, Deus permite aos nossos caros defuntos, que vivem na dimensão ultraterrestre, enviar mensagens para nos guiar em certos momentos de nossa vida. Após as novas descobertas no domínio da psicologia sobre o paranormal a Igreja decidiu não mais proibir as experiências do diálogo com os trespassados, na condição de que elas sejam levadas com uma finalidade séria, religiosa, científica.


P - Segundo a doutrina católica, como se produzem os contactos?


P.G.C - As mensagens podem chegar-nos, não através das palavras e dos sons, quer dizer, pelos meios normais dos seres humanos, mas através de sinais diversos; por exemplo, pelos sonhos, que às vezes são premonitórios, ou através de impulsos espirituais que penetram em nosso espírito. Impulsos que se podem transformar em visões e em conceitos.


P - Todos podem ter essas percepções?


P.G.C - Aqueles que captam mais frequentemente esses fenómenos são as pessoas sensitivas, isto é, pessoas que têm uma sensibilidade superior em relação a esses sinais ultraterrestres. Eu refiro-me aos clarividentes e aos médiuns. Mas as pessoas normais podem ter algumas percepções extraordinárias, um sinal estranho, uma iluminação repentina. Ao contrário das pessoas sensitivas podem raramente conseguir interpretar o que se passa com elas no seu foro íntimo.

P - Para interpretar esses fenómenos a Igreja permite-lhes recorrer aos chamados sensitivos e aos médiuns?


P.G.C - Sim, a Igreja permite recorrer a essas pessoas particulares, mas com uma grande prudência e em certas condições. Os sensitivos aos quais se pode pedir assistência, devem ser pessoas que levam as suas experiências, mesmo aquelas com técnicas modernas, inspiradas na fé. Se essas últimas forem padres é ainda melhor. A Igreja interdita todos os contactos dos fiéis com aqueles que se comunicam com o Mais Além, praticando a idolatria, a evocação dos mortos, a necromancia, a superstição e o esoterismo; todas as práticas ocultas que incitem à negação de Deus e dos sacramentos.


P - Com que motivações um fiel pode encetar um diálogo com os trespassados ?


P.G.C - É necessário não se aproximar muito do diálogo com os defuntos, a não ser nas situações de grande necessidade. Alguém que perdeu em circunstâncias trágicas, seu pai ou sua mãe, ou então seu filho, ou ainda seu marido e não se resigna com a ideia do seu desaparecimento, ter um contacto com a alma do caro defunto pode aliviar-lhe o espírito perturbado por esse drama. Pode-se igualmente endereçar aos defuntos se se tem necessidade de resolver um grave problema de vida. Nossos antepassados, em geral, ajudam-nos e nunca nos enviarão mensagens nem contra nós mesmos nem contra Deus.


P - Que atitudes convém evitar durante contactos mediúnicos?


P.G.C - Não se pode brincar com as almas dos trespassados. Não se pode evocá-las por motivos fúteis, para obter por exemplo um nº do Loto. Convém também ter um grande discernimento a respeito dos sinais do Mais Além e não muito enfatizá-los. Arriscar-se-ia a cair na mais suspeita e excessiva credulidade. Antes de mais nada não se pode abordar o fenómeno da mediunidade sem a força da fé.

Texto retirado do Jornal: O Popular - Goiânia


Há anos radicada na Europa, a psicóloga goiana Terezinha Rey divulga a aprovação, pela Igreja Católica, da comunicação com os mortos através de médiuns ! Oficialmente a Igreja Romana nunca admitiu o contato com os mortos, como prega a Doutrina Espírita. Nem mesmo a atividade de médiuns e paranormais, até há bem pouco tempo, era levada em consideração, pelos religiosos.

Essa opinião mudou. Através do jornal LOsservatore Romano, órgão oficial da Igreja com sede em Roma, em edição de novembro de 1996, o padre Gino Concetti concedeu uma entrevista, depois reproduzida em outros periódicos, como os italianos : Gente e La Stampa e o mexicano : El Universal, revelando os novos conceitos católicos em relação às mensagens ditadas pelos espíritos depois da morte carnal. Padre Gino Concetti, irmão da Ordem dos Franciscanos Menores, considerado um dos mais competentes teólogos do Vaticano, admite ser possível dialogar com os desencarnados. Segundo ele, o catecismo moderno ensina que Deus permite àqueles que vivem na dimensão ultraterrestre enviar mensagens para nos guiar em determinados momentos da vida.


Após as novas descobertas no domínio da psicologia sobre o paranormal, a Igreja decidiu não mais proibir as experiências do diálogo com os trespassados, desde que elas sejam feitas com finalidades religiosas e científicas e com muita seriedade.


A medida ditada pela nova cartilha da Igreja Católica deixou eufórica Terezinha Rey, psicóloga e ex-professora goiana, que reside há mais de 40 anos na Suíça. Ela é tradutora e divulgadora do texto do padre Gino Concetti. De férias em Goiânia, faz a divulgação desse material. Terezinha diz que as novas opiniões dos católicos a respeito da Doutrina pregada por Allan Kardec é uma questão da evolução natural das coisas. "Tenho um grande respeito pela Igreja Católica e creio ser oportuna esta revisão de suas opiniões sobre o Espiritismo", afirma ela.


Terezinha considera importantes as pregações do Padre italiano porque tiram a culpa dos católicos por procurar os espíritas em busca de contatos com seus entes queridos. "Conheço padres na Europa que são médiuns", revela a professora, citando como exemplo o padre Biondi, capelão dos jornalistas de Paris. Fundadora do Instituto Pestalozzi, Terezinha Rey foi para a Suíça em 1957 para fazer um doutorado em psicologia. Lá conheceu o renomado professor Andre Rey, um dos criadores da psicologia clínica, e acabou ficando em Genebra, onde também foi aluna da professora Helene Antipoff, educadora de grande prestígio no mundo inteiro.


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

ANIVERSÁRIO GRUPO CORPO E ALMA



O GRUPO CORPO E ALMA - Atendimento Médico à população carente + Evangelhoterapia, dirigido pelo médico Dr. Alexandre Santos da Rocha completa HOJE 26/01 (quarta-feira) 4 ANOS!!!
Que Deus abençoe a todos os companheiros desse belíssimo trabalho!

PARABÉNS!!!
Muita Paz e Harmonia

- Equipe de divulgação do Lar da Caridade & Direção do CELC -

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

ESTREIA HOJE MINISSÉRIE CHICO XAVIER


Produzida pela TV Globo, a minissérie Chico Xavier, originada do filme que levou milhões ao cinema no ano passado, vai ao ar hoje e segue até o dia 29 de de janeiro.

Com cerca de uma hora a mais do que o conteúdo editado para o longa-metragem, a minissérie é resultado de planejamento feito ainda à época das filmagens do longa.

A minissérie traz cenas inéditas, novos personagens e um elenco formado por nomes como Nelson Xavier, Ângelo Antonio, Tony Ramos, Christiane Torloni, Giulia Gam, entre outros.


Mais informações: tatiana.wolff@inpresspni.com.br


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

domingo, 23 de janeiro de 2011

MEDITAÇÃO SOBRE O ESTUDO DO ESPIRITISMO

O praticante espírita vai ao centro, habitualmente, uma vez por semana. Ouve palestra, recebe o passe e se sente satisfeito. Grande parte de nós, saídos do catolicismo, fomos orientados a assistir à missa, pelo menos uma vez por semana. É o que continuamos fazendo como espíritas.

A maioria das casas, no entanto, além das palestras públicas, oferece cursos regulares para o estudo doutrinário ou do Evangelho de Jesus. Os Estudos Sistematizados da Doutrina Espírita – ESDE –, a Escola de Aprendizes do Evangelho, Escola de Educação Mediúnica, Cursos Básicos de Espiritismo, etc.

Em outras casas, o estudo não segue nenhum desses padrões conhecidos, mas, sim, a orientação do dirigente que determina a forma e os livros a serem estudados. Outros preferem cursos pela internet. Tudo válido e importante.

O que desejamos demonstrar é que isso é pouco para o bom aproveitamento da encarnação.

Em agosto de 2005, estávamos em Matão, a convite do Jornal O Clarim, participando das comemorações dos 100 anos da sua criação, por Cairbar Schutel. Na porta do hotel, minha esposa e eu conversávamos com uma amiga, quando fomos abordados pelo mestre da oratória espírita, nosso caro Divaldo Pereira Franco, que nos conhecia apenas de nome. Disse o nobre confrade, num gesto de extrema humildade e franqueza: "– Caúmo, leio todos os seus escritos; gosto muito e aproveito!" Despediu-se e foi atender a uma noite de autógrafos que o esperava no salão do evento.

Apesar de tentar cultivar o equilíbrio do autoconhecimento e estar vacinado contra os elogios triviais, não podemos esconder que uma ponta de vaidade tomou conta de nós. Afinal não era um comentário qualquer.

Ouvimos de Divaldo, certa vez, que ele estuda até hoje, diariamente, durante uns vinte minutos, o Livro dos Espíritos, mesmo depois de mais de seis décadas de serviço cristão e responsável direto pela abertura de quase todos os centros espíritas, nos distantes países por onde passa, já que se dedica, em tempo integral, à divulgação do Espiritismo e à pratica da caridade. Que mais teria ainda o conferencista a aprender com a obra básica, relendo tudo o que já conhece? E que aproveitaria ele de nossos escritos?

No item XIII da Introdução de O Livro dos Espíritos, Kardec diz que “são necessários vários anos para formar um médico de nível médio, três quartos da vida para se formar um cientista, e há quem pretenda adquirir, em algumas horas, a ciência do infinito!Que ninguém, portanto, se iluda: o Estudo do Espiritismo é imenso; abrange as questões da Metafísica e da ordem social; é todo um mundo que se descortina à nossa frente. Deve-se espantar de que isso exija tempo, e muito tempo, para ser aprendido?”

Somos alunos permanentes e, nesse sentido, tudo o que vemos, ouvimos ou lemos, nos periódicos especializados em Doutrina Espírita, pode ser útil para nós, de alguma forma, se tivermos interesse e atenção.

Cada vez que relemos uma questão de O Livro dos Espíritos, somos uma pessoa diferente. Após viver um dia, não vamos dormir como acordamos. Estamos acrescentados de algum conhecimento e, muitas vezes, o inusitado pode mudar nossa maneira de entender a vida.

Nesse sentido, admito que uma pessoa cuidadosa, lúcida e plena de conhecimento, como nosso estimado Divaldo, até possa encontrar alguma frase, conotação ou figura de análise, nos nossos escritos, que, porventura, possam lhe agradar. Sabemos que seu comentário foi um gesto de delicadeza mais do que a importância que pudesse ter o nosso trabalho. Mas foi estimulante para que continuássemos com a mesma dedicação.

Há que se considerar, porém, que o maior mérito dos escritos e palestras de um divulgador se deve às interferências dos Espíritos que, benevolentes, colocam ideias em nossas mentes e palavras em nossas bocas. Daí não ser incomum dizermos, após um trabalho, que esta ou aquela afirmativa que fizemos foi interessante, já que nunca havíamos pensado no assunto! Foi novo até para nós! Basta estar de coração aberto que a inspiração chega!

Ninguém se arvore pleno conhecedor do Espiritismo, pós-graduado ou doutor honoris causa, porque, neste mundo de provas e expiações, estamos todos no jardim da infância do conhecimento espiritual. Na escada da vida eterna, estamos nos primeiros degraus, segurando-nos para não cair e ter de recomeçar, quase do zero, mais uma vez.

Fizemos um pequeno cálculo, já que nosso esforço diário se concentra na manutenção do corpo: as oito horas de sono, mais as oito de trabalho, para a sobrevivência, e as demais, gastas nas mesas de refeição ou no translado para a escola ou trabalho, deixam pouco tempo para o cultivo dos valores espirituais.

DIVAGUEMOS...

Admitamos uma vida adulta de 70 anos, que são 840 meses ou 25 200 dias ou 604 800 horas, numa encarnação.

Vamos ao centro, uma vez por semana, onde permanecemos por uma hora, assistindo a uma palestra, nem sempre com a melhor atenção. Isso representa que, nesses 70 anos, fomos à casa espírita, numa conta arredondada, 4 horas por mês que dão 48 horas por ano ou 3 360 horas na encarnação.

Como vivemos 604 800 horas e fomos ao centro 3 360, significa que gastamos 0,55% do nosso tempo com as lições para melhorar a alma, que é imortal. Não parece pouco?

Ainda que dobremos esse tempo e consideremos que vamos ao centro mais um dia, para estudo, isso representaria apenas 1,1% do tempo de encarnados.

Diante da TV ou do computador, nas salas de bate-papo e jogos, ficamos, no mínimo, 3 horas por dia. Isso é 22,5 vezes mais do que gastamos para estudar sobre espiritualidade. E falamos do mínimo, mínimo! Muitos ficam duas ou três vezes mais.

Espero não me ter enganado nas contas. Mas, ainda que algo esteja ligeiramente errado, todos estamos de acordo de que é preciso dedicarmo-nos mais ao estudo e à prática da nossa Doutrina, porque a falta de entendimento e o bem que deixamos de fazer poderão nos prejudicar, mais tarde, quando os valores do mundo já não mais tiverem interesse para nós.

Como nem sempre é possível fazer tudo no centro, pautemos nossa vida por um comportamento cristão que possa acrescentar algo a esse mínimo mencionado. E os que têm tarefas específicas na Doutrina – palestrantes, professores, médiuns, doutrinadores, passistas – agradeçam a Deus pela dádiva.

Desculpo-me com o confrade Divaldo, por utilizar seu nome, neste breve roteiro, mas o fiz porque sua obra e seu exemplo são estímulos para nós e devem ser copiados pelos que têm compromissos com o Espiritismo e com outras doutrinas, também. A sua declaração de que é estudante permanente dos assuntos da espiritualidade é um estímulo para que façamos o mesmo.

Aos meus possíveis leitores, rogo a Deus para que os abençoe, e que Jesus possa habitar cada vez mais nos corações de todos!


Octávio Caúmo Serrano



FONTE: Revista Internacional de Espiritismo (RIE) - Janeiro/2011

PROGRAMA TRANSIÇÃO - 23/01


Neste DOMINGO, 23/01, PROGRAMA TRANSIÇÃO traz como convidado:

DIVALDO PEREIRA FRANCO


Tema: DEPRESSÃO E OBSESSÃO


Apresentação: Antônio Coelho Filho


--> ATENÇÃO: Agora todos os DOMINGOS às 15:15hs na REDE TV (16:15h para as cidades que estão em horário de verão). Disponível em todas as Parabólicas, TV a Cabo e SKY.


--> REAPRESENTAÇÃO:
Na madrugada de quarta pra quinta - 12:45h


Transmissão pela TV CEI:

Segunda: 02:30 e 10:30 horas
Terça: 18:30 horas
Quarta: 02:30 e 10:30 horas
Domingo: 18:30 horas


Transmissão pela TV MUNDO MAIOR:

Parabólica Digital ou pela internet www.tvmundomaior.com.br/transicao


Quarta: 19:30 horas
Quinta: 12:30 horas
Sexta: 00:00 hora


Para quem não possui antena, pode assistir os vídeos no site:

http://www.programatransicao.tv.br/

sábado, 22 de janeiro de 2011

O PORQUÊ DAS MORTES COLETIVAS?


As grandes comoções que ocorrem na nossa sociedade material trazem sempre enormes indagações e dúvidas por parte de pessoas que ainda não adquiriram conhecimentos das verdades evangélicas a respeito da Lei de Causa e Efeito e das vidas sucessivas.

Segundo ainda ensinamentos Evangélicos, “não caí uma só folha da árvore sem que Deus saiba” e, com toda certeza, as “mortes coletivas” não foram obras do acaso, mas sim, todas estavam cadastradas nos anais da espiritualidade para participarem dessas desencarnações coletivas.

Muitos desses fatos são conseqüências de Leis Naturais, ou juridicamente chamadas de “casos fortuitos”, como maremotos, terremotos, erupções de vulcões, etc., porém, outros ocorrem por acidentes ou desastres, que são provocados pelo próprio Homem, como por exemplo, acidentes aéreos, marítimos, ferroviários e, hoje em dia, até por ato terrorista.

Ora esses fatos acontecem sem serem provocados por Deus, mas, em ambos os tipos de ocorrências, há a influência do ser humano, direta ou indiretamente. No primeiro caso, apesar de ser um fato natural, físico, corrobora a influência inferior da Humanidade. No segundo caso, pela imprudência do próprio homem.

Essas ocorrências, chamadas catastróficas, que ocorrem em grupos de pessoas, em família inteira, em toda uma cidade ou até em uma nação, não são determinismo de Deus, por ter infringido Suas Leis, o que tornaria assim, em fatalismo. Não. Na realidade são determinismos assumidos na espiritualidade, pelos próprios Espíritos, antes de reencarnar, com o propósito de resgatar velhos débitos e conquistar uma maior ascensão espiritual. O Espírito André Luiz, no livro Ação e Reação, afirma esses fatos: “nós mesmos é que criamos o carma e este gera o determinismo”.

São ações praticadas no pretérito longínquo, muito graves, e por várias encarnações vamos adiando a expiação necessária e imprescindível para retirada dessa carga do Espírito, com o fim de galgar vôos mais altos. Assim, chega o momento para muitos, por não haver mais condições de protelar tal decisão, e terão que colocar a termo a etapa final da redenção pretendida perante as Leis Divinas. Dessa complexidade de fatos é que geram as chamadas “mortes coletivas”.

Os Espíritos Superiores possuem todo conhecimento prévio desses fatos supervenientes, tendo em vista as próprias determinações assumidas pelos Espíritos emaranhados na teia de suas construções infelizes, aí, providenciam equipes de socorros altamente treinadas para a assistência a esses Espíritos que darão entrada no plano espiritual.

Mesmo que o desencarne coletivo ocorra identicamente para todos, a situação dos traumas e do despertar dependerá, individualmente, da evolução de cada um. Estes fatos, mais uma vez André Luiz confirma: “se os desastres são os mesmos para todos, a “morte” é diferente para cada um”.

Assim, a Previdência Divina, com sua pré-ciência, aparelha circunstâncias de hora, dia e local, para congregar aqueles que assumiram tais resgates aflitivos, e, por outro lado, os que não vão fazer parte desse processo coletivo, por um motivo ou outro, não estarão presentes.

No livro Tempo de Transição, do escritor Juvanir Borges de Souza, tiramos os seguintes ensinamentos referentes a este assunto:


“...o mesmo princípio aplicável a cada indivíduo estende-se às coletividades; uma família, uma nação ou uma raça formam as individualidades coletivas;

“...entidades coletivas contraem responsabilidades agindo como individualidades coletivas, respondendo seus por seus atos e pelas conseqüências deles;


“...as expiações coletivas são os resgates de ações anteriores praticadas em conjunto pelo grupo envolvido;

"...os grupos se reúnem na Terra para tarefas ou missões comuns, assim com são reunidos, para purgar faltas cometidas em conjunto, solidariamente, assim, o inocente de hoje pode estar respondendo por seus atos de ontem;

“...a Providência Divina tem meios e formas para determinar os reencontros, o reinício das tarefas, os resgates, tanto no plano individual quanto no coletivo, em processos complexos que nos escapam à percepção”.


Em seguida, o preclaro escritor traz exemplos significativos, lembrando da escravatura negra no Brasil que, durante três séculos foi uma instituição oficial, uma mancha social da qual resultam efeitos morais e espirituais até em nossos dias. Recorda ainda, a Guerra do Paraguai, país de menores recursos humanos e materiais, arcou com sofrimentos e dificuldades pesadas. Entretanto, passados mais de um século desse triste acontecimento, os governos uniram-se em tratado de honra e os dois povos construíram a maior usina hidroelétrica do mundo, que proporciona enorme progresso às populações de ambos os países, com considerável vantagem para o Paraguai, uma vez que o empreendimento foi custeado na sua quase totalidade pelo povo brasileiro. Entende-se como uma espécie de ressarcimento de débito do passado, sob a forma de compreensão, cooperação e realizações positivas e justas.

Existem ainda, “mortes coletivas”, provenientes de seguidores de pessoas com alto grau de persuasão, mas de baixo senso moral, que conseguem anular sentimentos e raciocínios de pessoas despreparadas e com tendência ao materialismo, inculcando ensinamentos de salvação através de atos externos, apregoando os suicídios coletivos.

Mais uma vez, recorremos das palavras sábias do escritor Amilcar Del Chiaro Filho: “Quando a pessoa se fanatiza por alguma coisa, especialmente pelas idéias religiosas, o desequilíbrio se apresenta, e o que é distorcido, desatinado, parece reto, equilibrado. Existe alguma relação com obsessores? Sim, existe. Espíritos obsessores se aproveitam das disposições dos encarnados para dominar-lhes a mente e impor-lhes a própria vontade”.

Transcrevermos ainda, palavras do Profº Waldo Lima de Valle, retiradas do seu livro, Morrer e Depois!: mortes coletivas são provações muito dolorosas para os que ficam e também para os que partem, mas integram programas redentores do Espírito endividado perante a Lei e condição para que possam usufruir, merecidamente, as glórias da Vida Eterna (...) a dor coletiva corrige falhas mútuas, dos que partem e, também, dos que ficam”.

O Meigo Nazareno, como não poderia deixar de ser, ensina em suas “Boas Novas” a respeito dessas vítimas: “Pensais que esses galileus eram mais pecadores do que todos os outros galileus, por terem padecido estas cousas? Não eram, eu vo-lo afirmo: se, porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis. Ou cuidais que aqueles dezoito, sobre os quais desabou a torre de Siloé e os matou, eram mais culpados que todos os outros habitantes de Jerusalém? Não eram, eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis” - [Lucas 13.1-5]

Isso significa que os que padecem desse drama no desencarne não são mais culpados do que outros, também habitantes deste planeta ainda inferior, pois carregamos todas dívidas e imperfeições de Espíritos que faz jus reencarnar aqui na Terra.

O que precisa é o arrepender que Jesus ensina, ou seja, não mais praticarmos o mal contra nosso irmão, e praticarmos sim, a caridade para compensar o mal já efetivado em vidas passadas, para termos oportunidade de escaparmos dessas aparentes tragédias.

Para encerrarmos este assunto completamos com outra parábola de Jesus que demonstra materialmente essa verdade: “Certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha e, vindo procurar fruto nela, não achou. Pelo que disse ao viticultor: Há três anos venho procurar fruto nesta figueira, e não acho; pode cortá-la; para que está ela ainda ocupando inutilmente a terra? Ele, porém, respondeu: Senhor, deixa-a ainda este ano, até que eu escave ao redor dela e lhe ponha estrume. Se vier dar fruto, bem está; se não, mandarás cortá-la”. [Lucas 13.6-9]

Fica assim comprovado que Deus espera de nós os frutos que devemos dar pela oportunidade da reencarnação, no sentido de melhorarmos moral e espiritualmente, para não termos que expiarmos, drasticamente, nossas faltas pretéritas.


João Demétrio


FONTE: FEAL - Fundação Espírita André Luiz

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

PALESTRAS DO DIVALDO FRANCO NO RIO GRANDE DO NORTE

Assú e Natal recebem o médium DIVALDO PEREIRA FRANCO para palestras públicas.

Em Assú, o médium estará, no dia 28 de janeiro, a partir das 19h30, na Praça de Eventos Jota Keuly.

Em Natal, no dia 29, no Ginásio Palácio dos Esportes, a partir das 20h.

No dia 30 de janeiro, das 8h às 13h, no Centro de Convenções de Natal, será realizado o Workshop 2011 com o tema “Transição Planetária”.

As inscrições estão abertas e o participante, ao efetuá-la, terá direito ao livro psicografado pelo médium, que é tema do evento.

Mais informações pelo fone (84)3211-8518 e no portal http://www.fern.org.br/


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

FEDERAÇÃO ESPÍRITA PARAIBANA COMPLETA 95 ANOS


Exatamente nesta segunda-feira (17/01), a Federação Espírita Paraibana (FEPb) completa 95 anos de fundação promovendo a reforma íntima e a qualidade de vida.

Ao longo de nove décadas, a instituição desenvolve a nobre tarefa diária de promover a assistência ao próximo, em diversos aspectos, visando a evolução do ser. Neste sentido, à luz da mensagem do Cristo, realiza reuniões doutrinárias, aplica tratamento espiritual, além de esclarecer a importância da reforma íntima para a conquista de uma boa qualidade de vida. Para isso, mobiliza uma equipe com mais de 100 tarefeiros, que se revezam nas atividades de atendimento fraterno e aplicação de cursos doutrinários.

A FEPb é uma sociedade civil, educacional, cultural, religiosa e sem fins lucrativos. Seu objetivo é estabelecer o processo de unificação estadual do Movimento Espírita, além de congregar as sociedades espíritas da Paraíba, bem como fortalecer, ampliar e aprimorar suas ações. Também promover e incentivar o estudo, a difusão e a prática do Espiritismo, com base nas obras da Codificação de Allan Kardec e no Evangelho de Jesus, além da prática da caridade espiritual, moral e material, dentro dos princípios espíritas. Por fim, colocar o Espiritismo ao alcance e a serviço de todos.

Situada à Av. Bento da Gama, 555, Torre (ao lado do Posto Maia da Av. Beira Rio), em João Pessoa – Pb, a FEPb abre diariamente para atender ao público, em diversas atividades. Dispõe de uma livraria variada e em modernas instalações. Aqui encontra-se livros, revistas, jornais, apostilas, CD´s e DVD´s. Tem um acervo variado em editoras e títulos, contemplando literatura infantil e em geral, além de diversas opções para presentes.

Mais informações ou detalhes pelo fone: (83) 3221-3590, ou pelo portal http://www.fepb.org.br/


HOMENAGENS INICIARÃO COM SEMINÁRIO DE DIVALDO FRANCO

Segundo o presidente da Federação Espírita Paraibana, José Raimundo de Lima, todas as atividades realizadas no decorrer de 2011 integrarão as comemorações do aniversário da FEPb.

Tudo começará na próxima sexta-feira (21/01) com um seminário ministrado pelo maior conferencista da atualidade, o médium baiano Divaldo Franco. O tema será “Em busca da verdade”.

Mais detalhes no portal http://www.fepb.org.br/

O segundo evento que comemorará os 95 anos da FEPb acontecerá no período de Carnaval, entre os dias 05 a 08 de março. Trata-se do Encontro Espírita Paraibano (Enesp), que contará com as participações especiais do médico e terapeuta transpessoal Alberto Almeida (PA) e Luiz Cláudio Costa (MG).

As inscrições para este evento já encontram-se abertas.


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

CONGRESSO ESPÍRITA DO GOIÁS: MAIS DE 1500 INSCRITOS

As inscrições para o XXVII Congresso Espírita do Estado de Goiás estão abertas e muitos já se inscreveram para o evento.

Ao todo, 1.500 pessoas já confirmaram presença no Congresso que ocorrerá no auditório Rio Vermelho, no dia 8 de março, quando DIVALDO FRANCO apresentará um seminário.

Inscrições e informações no site: http://www.feego.org.br/

Telefone:(62) 3281-0875

Email: congresso@feego.org.br


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

FILME ALÉM DA VIDA


No período de menos de um ano houve o lançamento de filmes com temática espírita, como "Chico Xavier" e "Nosso Lar" e, agora o lançamento internacional do filme americano "Além da Vida", dirigido por Clint Eastwood.

O produtor do filme não tem vinculação com o Espiritismo, mas desenvolveu temas ligados ao Espiritualismo em geral, incluindo manifestações mediúnicas e fenômenos relacionados com sensações em momentos de morte iminente.

A atuação dos médiuns é mais típica das práticas mediúnicas do "new spiritualism" dos países anglofônicos.

No enredo se desenvolvem três casos, cujos personagens centrais se encontram ao final de um evento internacional.

O filme estimula a reflexões sobre os fatos e temas ligados ao "além" da vida física.


FONTE: Boletim Eletrônico da FEB

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

ESTEJAMOS CONTENTES

"Tendo, porém, sustento e com que nos cobrirmos,
estejamos com isso contentes".

[Paulo - 1 TIMOTEO, 6:8]


O monopolizador de trigo não poderá abastecer-se à mesa senão de algumas fatias de pão, para saciar as exigências da sua fome.

O proprietário da fábrica de tecidos não despenderá senão alguns metros de pano para a confecção de um costume, destinado ao próprio uso.

Ninguém deve alimentar-se ou vestir-se pelos padrões da gula e da vaidade, mas sim de conformidade com os princípios que regem a vida em seus fundamentos naturais.

Por que esperas o banquete, a fim de ofereceres algumas migalhas ao companheiro que passa faminto?

Por que reclamas um tesouro de moedas na retaguarda, para seres útil ao necessitado?

A caridade não depende da bolsa. É fonte nascida no coração.

É sempre respeitável o desejo de algo possuir no mealheiro para socorro do próximo ou de si mesmo, nos dias de borrasca e insegurança, entretanto, é deplorável a subordinação da prática do bem ao cofre recheado.

Descerra, antes de tudo, as portas da tua alma e deixa que o teu sentimento fulgure para todos, à maneira de um astro cujos raios iluminem, balsamizem, alimentem e aqueçam.

A chuva, derramando-se em gotas, fertiliza o solo e sustenta bilhões de vidas.

Dividamos o pouco, e a insignificância da boa-vontade, amparada pelo amor, se converterá com o tempo em prosperidade comum.

Algumas sementes, atendidas com carinho, no curso dos anos, podem dominar glebas imensas.

Estejamos alegres e auxiliemos a todos os que nos partilhem a marcha, porque, segundo a sábia palavra do apóstolo, se possuímos a graça de contar com o pão e com o agasalho para cada dia, cabenos a obrigação de viver e servir em paz e contentamento.


FONTE: Livro "Fonte Viva" - Emmanuel / Chico Xavier

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

MINISSÉRIE "CHICO XAVIER" ESTREIA 25/01 NA GLOBO - NÃO PERCAM!!!


A minissérie “Chico Xavier”, derivada do longa que fez sucesso nos cinemas em 2010, terá cerca de uma hora a mais que o filme.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, a trama, que será exibida nos dias 25, 27, 28 de janeiro na Globo, contará com cenas inéditas, que foram planejadas durante as filmagens do longa, produzido pela Globo Filmes.

“Chico Xavier” foi dirigido por Daniel Filho.

Na história, adaptada do livro “As Vidas de Chico Xavier”, o médium foi interpretado pelos atores Matheus Costa, Ângelo Antônio e Nelson Xavier. No elenco ainda estão Tony Ramos, Christiane Torloni, Giulia Gam, Letícia Sabatella, Pedro Paulo Rangel e Cássia Kiss.


FONTE: Coluna Espírita 180Graus - http://www.180graus.com/espirita

domingo, 16 de janeiro de 2011

AGENDA REFORMA ÍNTIMA - 33ª SEMANA


"Lembre-se de que os outros são pessoas que você pode auxiliar, ainda hoje, e das quais talvez amanhã mesmo você precisará de auxílio."

[André Luiz]


META DO MÊS: Desenvolver a Caridade Moral

"Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados, com toda humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor."

[Paulo - Efésios, 4:1-2]



META DA SEMANA: Desenvolver a indulgência paras imperfeições dos outros.


COMO: Ser severo consigo mesmo e indulgente com os defeitos dos outros.


SUGESTÃO DE PRECE DIÁRIA: Prece rogando ao anjo da guarda o estímulo à reforma íntima.


"Antes de censurar os outros pelas imperfeições, vede se não se pode dizer o mesmo de vós."

[O Livro dos Espíritos, perg. 903]



EXERCÍCIO DA SEMANA: Examinemos a nós mesmos


Realize o exercício em uma folha de papel (de preferência sua agenda ou um caderno só para esses exercícios).

Vamos nos auto-avaliar? Atribua uma nota para cada questionamento abaixo:

0- Fraco
1- Ruim
2- Regular
3- Bom
4- ótimo


Meditei em torno da passagem evangélica?

Tenho procurado cumprir a "Meta da Semana?"

Consegui orar conforme a sugestão de prece diária?

Tenho trazido o Evangelho mais vivo em minhas atitudes?


Após sua auto-avaliação, some os pontos e reflita!

0 a 3 - Ruim
4 a 7 - Fraco
8 a 11 - Regular
12 a 15 - Bom
16 - Ótimo

Uma semana de muita Paz & Luz para todos.

Que o mestre Jesus nos abençoe!


- Equipe de divulgação do Lar da Caridade -

PROGRAMAÇÃO DE PALESTRAS DA FEPI


-->Dia 16 (Domingo) – 18h

Tema: “O Que é Preciso Entender por Pobres de Espírito”
Palestrante: Eduardo Belfort


-->Dia 19 (Quarta-feira) – 16h

Tema: “Perda de Pessoas Amadas, Mortes Prematuras”
Palestrante: Fátima Rocha


-->Dia 21 (Sexta-feira) – 19h

Tema: “O Passe e Jesus”
Palestrante: Mairla Teles


-->Dia 23 (Domingo) – 18h

Tema: “O Orgulho e Humildade”
Palestrante: Luis Pires



Federação Espírita Piauiense – FEPI
Rua Olavo Bilac, 1394 – Centro
Teresina/PI CEP 64.001-280
Tel: (86) 3221-2500

PROGRAMA TRANSIÇÃO (16/01) - NOVO HORÁRIO



Neste DOMINGO, 16/01, PROGRAMA TRANSIÇÃO traz como convidado:


AGNALDO PAVIANI


Tema: CONTATO IMEDIATO


Apresentação: Antônio Coelho Filho


--> ATENÇÃO: Agora todos os DOMINGOS às 16:15hs na REDE TV (15:15h para as cidades que não estão em horário de verão). Disponível em todas as Parabólicas, TV a Cabo e SKY.


Transmissão pela TV CEI:

Segunda: 02:30 e 10:30 horas
Terça: 18:30 horas
Quarta: 02:30 e 10:30 horas
Domingo: 18:30 horas


Transmissão pela TV MUNDO MAIOR:

Parabólica Digital ou pela internet www.tvmundomaior.com.br/transicao


Quarta: 19:30 horas
Quinta: 12:30 horas
Sexta: 00:00 hora


Para quem não possui antena, pode assistir os vídeos no site:

http://www.programatransicao.tv.br/


--> Os programas anteriores exibidos durante o mês de Dezembro/2010 já estão disponíveis no site

REVISTA SER ESPÍRITA - 11ª EDIÇÃO


1 Editorial
2 Cartas – Comentários dos leitores
3 Online - Divulgação e respeito
4 Entrevista - Fernando Alves Pinto
5 Vida Moderna – Natal e final de ano
6 O Espiritismo e eu - Busca Contínua
7 Mensagem - Espírito Antonio Grimm
8 Cotidiano - Cooperativismo
9 Artigo - Direito e Espiritismo
10 Capa - Um homem chamado Jesus

- A Revista Ser Espírita é uma revista bimestral e está à venda nas bancas.

- Acesse o conteúdo online: http://www.serespirita.com.br/

REVISTA REFORMADOR - JANEIRO/2011

- NESTA EDIÇÃO -


Entrevista: Allan Kardec
Kardec orienta os médiuns

Lei de Conservação

Em dia com o Espiritismo
Qual é o sentido da vida?

A atualidade de Emmanuel
Aspectos de seu plano pedagógico



Reunião Ordinária do Conselho Federativo Nacional

Editorial
O Livro dos Médiuns – 150 anos

O Livro dos Médiuns
Sesquicentenário de sua publicação (Capa)



- A revista está disponível para leituras online no site da FEB:

http://www.febnet.org.br/site/


- Você pode adquirir seu exemplar na Livraria Ramiro Gama na FEPI, ou fazer uma assinatura anual no site da Livraria da FEB:

http://www.feblivraria.com.br/

REVISTA INTERNACIONAL DE ESPIRITISMO (RIE) - JANEIRO/2011

- ARTIGOS DESSA EDIÇÃO -

• Atitudes
• Ação e reação, causa e efeito
• Geração espontânea?
• Entrevista – Enrique Eliseo Baldovino
• Em torno do Cristianismo
• A mediunidade e O Livro dos Médiuns
• Notícias e eventos
• Divergências doutrinárias
• Um encontro para aprendizado, reflexão, confraternização e com muita cultura

• 2º Feirão de Livros Espíritas, Araras, SP
• A mutabilidade do destino
• Uma visão panorâmica do Espiritismo e seu Movimento na atualidade
• A teoria do fracasso
• Inversão do sexo – Causas e consequências
• Lei de Causa e Efeito x Lei de Ação e Reação
• Os Espíritos da Nova Era
• A dor dos animais
• Um médico russo
• O missionário Agostinho de Hipona. Um ensaio
• Cuidados necessários com as contradições
• A busca do íntimo reconhecimento
• A vida nos outros mundos
• Natal com Jesus
• Pagamentos necessários
• Cultura Humana e Cultura Espiritual
• Meditação sobre o Estudo do Espiritismo


- Para adquirir a revista basta fazer a assinatura através do site:
http://www.oclarim.com.br/


- Ou comprar o seu exemplar na Livraria Ramiro Gama da FEPI

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

REVISTA NOVA AURORA


A Federação Espírita Piauiense lançou no ano passado, dia 27/11/2010, data em que comemorou os 60 anos de sua fundação, a Revista Nova Aurora.

Sua primeira edição tem caráter comemorativo, com alguns artigos enfocando o aspecto histórico, tanto do Espiritismo no Piauí quanto da própria instituição.

Há também homenagens a Chico Xavier pelo seu centenário e mensagens dos Espíritos Frederico Figner e Joanna de Ângelis, esta última psicografada por Divaldo Franco e enviada especialmente para a revista.

Quem desejar, pode adquirir o exemplar nas livrarias dos Centros Espíritas ou na FEPI



FONTE: 180Graus - Espírita - Raul Ventura

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

DIFERENÇA

"Crês que há um só Deus: fazes bem.
Também os demônios o crêem, e estremecem".

[TIAGO, 2:19]



A advertência do apóstolo é de essencial importância no aviso espiritual.

Esperar benefícios do Céu é atitude comum a todos.

Adorar o Senhor pode ser trabalho de justos e injustos.

Admitir a existência do Governo Divino é traço dominante de todas as criaturas.

Aceitar o Supremo Poder é próprio de bons e maus.

Tiago foi divinamente inspirado neste versículo, porque suas palavras definem a diferença entre crer em Deus e fazer-Lhe a Sublime Vontade.

A inteligência é atributo de todos.

A cognição procede da experiência.

O ser vivo evolve sempre e quem evolve aprende e conhece.

A diferenciação entre o gênio do mal e o gênio do bem permanece na direção do conhecimento.

O demônio, como símbolo de maldade, executa os próprios desejos, muita vez desvairados e escuros.

O anjo identifica-se com os desígnios do Eterno e cumpre-os onde se encontra.

Recorda, pois, que não basta a escola religiosa a que te filias para que o problema da felicidade pessoal alcance a solução desejada.

Adorar o Senhor, esperar e crer n'Ele são atitudes características de toda a gente.

O único sinal que te revelará a condição mais nobre estará impresso na ação que desenvolveres na vida, a fim de executar-lhe os desígnios, porque, em verdade, não adianta muito ao aperfeiçoamento o ato de acreditar no bem que virá do Senhor e sim a diligência em praticar o bem, hoje, aqui e agora, em seu nome.


FONTE: Do livro "Fonte Viva" - Emmanuel / Chico Xavier

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

TRATAMENTO ESPIRITUAL COM DR. FRITZ NA CASA DE ORAÇÃO E CARIDADE LUZ DE NAZARÉ

ATENDIMENTO GRATUITO


LOCAL: CASA DE ORAÇÃO E CARIDADE LUZ DE NAZARÉ

Dias: 15 e 16 de janeiro de 2011

Horário: Manhã e Tarde

Endereço: Rua 09 Q: H Casa: 32

Bairro Vila Maria I – próximo ao Comercial Volante

Teresina - PI

Contato: Paulo James: (86) 8805 9327 / (86) 9917 8133

Lúcia Oliveira: (86) 8834 3070



VIVENCIANDO A CURA COM A EQUIPE DO DR. FRITZ


A Sociedade Espírita Luz de Nazaré é uma instituição espírita cristã, fundada nos princípios doutrinários codificados por Allan Kardec e nos ensinamentos do evangelho de Jesus através dos Espíritos Superiores, conforme a vasta literatura espírita. Desempenha papel social e de assistência espiritual a pessoas com sofrimentos intensos que buscam na atividade espiritual um recurso alternativo, depois de esgotados os recursos da medicina tradicional.

É importante ressaltar que o tratamento espiritual não dispensa o tratamento médico ou a psicoterapia quando necessário. Ao contrário, recomenda sempre que problemas orgânicos ou psíquicos específicos, sejam tratados por profissionais habilitados nessas áreas. A Doutrina Espírita vê o ser humano como um ser integral, que se manifesta no mundo através de um corpo físico, com uma estrutura emocional, mental e espiritual, estando, portanto, sujeito a alterações em uma ou mais dessas estruturas. Quando tais alterações ocorrem em mais de um desses níveis, alcançando a estrutura espiritual, os métodos da medicina tradicional, então utilizados tornam-se ineficazes, impondo, necessariamente, a terapêutica espiritual.

Atualmente são desenvolvidas várias atividades de atendimento e assistência espiritual na Sociedade Espirita Luz de Nazaré. Dentre elas está o Atendimento de Cura Espiritual com a Equipe do Dr. Fritz. Essas atividades tiveram inicio no dia 15 de novembro de 2007 e continuam até hoje. Nesses 03 anos, já foram atendidas cerca de 5.000 pessoas com as mais variadas dificuldades.

Como toda atividade espiritual em sintonia com os ensinamentos de Jesus, o objetivo principal do tratamento espiritual desenvolvido por Dr. Fritz e sua equipe é a mudança de atitude. A doença, como muito se tem demonstrado principalmente através dos meios de comunicação, é resultado de estados transitórios de desequilibrios do individuo. Quando este se comporta mal em suas ações diárias, principalmente em relação a seus semelhantes, acumula cargas emocionais negativas, potencializando em si mesmo o surgimento de doenças. Assim, a cura está diretamente relacionada a capacidade de mudança que realiza o individuo.

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

PROFETAS DE HOJE



Há dois cristianismos básicos: o bíblico e o dogmático. Por isso as igrejas denominadas de cristãs são hoje cerca de 10.000 no mundo.

No cristianismo há grupos religiosos exclusivistas que dão a entender que só eles estão certos e só eles gostam de Jesus.

Isso nos lembra a conhecida frase do padre francês François Brune: “Como eu gostaria de que os católicos amassem a Jesus como o amam os espíritas!” Brune é o autor de “Linha Direta com o Além” e “Os Mortos nos Falam”, EDICEL (editora espírita), Brasília, DF, e é representante do Vaticano de Transcomunicação Instrumental (TCI), contato com os espíritos por meio de aparelhos eletrônicos.

A teologia dos cristãos fundamentalistas é politeísta, pois ela afirma que Jesus é também Deus, o que é contra o próprio ensino do excelso mestre: “Por que me chamais bom? Bom é só um, Deus.” (Marcos 10,18).

Os teólogos dogmáticos afirmam que o tempo dos profetas terminou quando acabaram de escrever a Bíblia. Mas será que ela está mesmo terminada?

Seus autores demoraram quase 4.000 anos para escrevê-la. Ela é uma História do judaísmo e do cristianismo. E essa História ainda não acabou e é sempiterna. Daqui a alguns milhares de anos, nós teremos registros históricos de judeus e cristãos de hoje.

Se nós somos seguidores da Bíblia, continuamos também, pois, de algum modo, fazendo parte da sua História. A Geografia de ontem é a História de hoje, e a Geografia de hoje é a História de amanhã. Assim, como seguidores da Bíblia, é como se fizéssemos parte, hoje, da sua Geografia. E, no futuro, seremos, pois, mais uma parte da sua História. Os profetas de hoje são do cristianismo bíblico, e não do frágil dogmático que, porém, devemos respeitar.

Allan Kardec ensinou que, com a palavra médium, ele designava uma pessoa equivalente a um profeta bíblico. Aliás, o profeta bíblico do tipo “Nabi” era aquele que, quando falava, escrevia e gesticulava, não era ele, mas um espírito que estava nele.

Vejamos exemplos bíblicos sobre isso: Heldade e Medade recebiam espíritos e profetizavam (Números 11, 24 a 30). Os espíritos devem ser examinados se são de Deus (do bem) ou do mal, pois há muitos falsos profetas. (1 João 4,1). O espírito de Elias repousa sobre Eliseu (2 Reis 2,15). Se o espírito profetizador ou o profeta (médium) forem falsos, suas profecias são também falsas.

Eis alguns exemplos bíblicos de que os profetas ainda existem:


- “Todos podereis profetizar, um após outro” (1 Coríntios 14,31).

- “Os espíritos dos profetas estão sujeitos aos próprios profetas” – hoje médiuns. (1Coríntios 14,32).

- “Se alguém se considera profeta ou espiritual, reconheça ser mandamento do Senhor o que vos escrevo.” (1Corínitos 14,37). Espiritual é sinônimo de profeta, ou seja, envolvido com um espírito, pelo que tem dom espiritual.

- “Em parte conhecemos, e em parte profetizamos.”(1Coríntios 13,9). Quando o espírito profetiza, o médium em transe pode não saber o que está sendo profetizado.


Com todo o respeito que devemos ter para com o Espírito Santo, as poucas instruções sobre profetas e profecias dadas por São Paulo e aqui analisadas nada têm a ver com a Terceira Pessoa do dogma da Santíssima Trindade, que não é citada por São Paulo nem uma só vez sequer! E profeta na Bíblia é vidente (1 Samuel 9,9), que, por sua vez, é hoje chamado de médium.

“Procurai com zelo o dom de profetizar” (1 Coríntios 14,39).

Ainda existem profetas, e eles até têm o dever de profetizar!



- JOSÉ REIS CHAVES -

Colunista do site www.otempo.com.br e Autor dos livros “A Face Oculta das Religiões”, “A Reencarnação na Bíblia e na Ciência” Ed. EBM (SP) e “A Bíblia e o Espiritismo”, Ed. Espaço Literarium, Belo Horizonte (MG). Email: jreischaves@gmail.com


FONTE: Jornal dos Espíritos

domingo, 9 de janeiro de 2011

LIVROS RECENTES DE CHICO XAVIER


O Grupo Espírita da Prece de Francisco Cândido Xavier, de Uberaba (MG), juntamente com a Editora IDEAL (SP) lançou dois livros inéditos psicografados por Chico Xavier: "Chico Xavier: exemplo de amor" e "Chico Xavier: o referencial".

O novos livros foram organizados por Eurípedes Humberto Higino dos Reis e contém mensagens curtas, de vários Espíritos, principalmente Maria Dolores e Cornélio Pires, psicografadas por Chico Xavier nas últimas reuniões que compareceu no Grupo Espírita da Prece, entre 1997 e 2001.


Informações: Rua Dom Pedro I, 165 - Parque das Américas - Uberaba - CEP 38045-050.



Fonte: Boletim Eletrônico da FEB

"NÃO É PRECISO UM DEUS PARA CRIAR UM UNIVERSO", DIZ STEPHEN HAWKING



Em seu mais recente livro, "The Grand Design" ("O Grande Projeto", em tradução livre), o cientista britânico Stephen Hawking, afirma que "não é preciso um Deus para criar o Universo", pois o Big Bang seria "uma consequência" de leis da Física.

"O fato de que nosso Universo pareça milagrosamente ajustado em suas leis físicas, para que possa haver vida, não seria uma demonstração conclusiva de que foi criado por Deus com a intenção de que a vida exista, mas um resultado do acaso", explicou um dos tradutores da obra, o professor de Física da Matéria Condensada David Jou, da Universidade Autônoma de Barcelona.

Reportagem do portal Folha.com

Longe de querer questionar o pensamento de um cientista, pois, de ciência não entendo nada, mas, a frase do cientista britânico Stephen Hawking, que afirma "não é preciso um Deus para criar o Universo", pois o Big Bang seria "uma consequência" de leis da Física, me fez lembrar uma ingênua piada, que transcrevo abaixo:


Um cientista famoso, após realizar grandes descobertas chega à conclusão que não mais precisa de Deus. Chega, então, para Ele e diz:
- Descobri seu segredo e, tal qual você, também posso criar seres humanos e formar minha humanidade.
Deus, tranquilamente, lhe pede:
- Pode fazer uma demonstração para mim?
Satisfeito, por poder mostrar a Deus que também é Criador, o homem se abaixa, pega o barro e começa a moldar um ser humano. Deus interrompe, imediatamente:
- Espere aí, meu filho, vá criar seu próprio barrinho!


Agora, falando sério, passemos uma vista no que diz dois livros da codificação espírita – O Livro dos Espíritos e A Gênese – sobre Deus.


--> O LIVRO DO ESPÍRITOS - CAP. 1 – PROVAS DA EXISTÊNCIA DE DEUS


4. ONDE SE PODE ENCONTRAR A PROVA DA EXISTÊNCIA DE DEUS?

“Num axioma que aplicais às vossas ciências. Não há efeito sem causa. Procurai a causa de tudo o que não é obra do homem e a vossa razão responderá.”
Para crer-se em Deus, basta se lance o olhar sobre as obras da Criação. O Universo existe, logo tem uma causa. Duvidar da existência de Deus é negar que todo efeito tem uma causa e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa.

7. PODER-SE-IA ACHAR NAS PROPRIEDADES ÍNTIMAS DA MATÉRIA A CAUSA PRIMÁRIA DA FORMAÇÃO DAS COISAS?

"Mas, então, qual seria a causa dessas propriedades? É indispensável sempre uma causa primária.”
Atribuir a formação primária das coisas às propriedades íntimas da matéria seria tomar o efeito pela causa, porquanto essas propriedades são, também elas, um efeito que há de ter uma causa.

8. QUE SE DEVE PENSAR DA OPINIÃO DOS QUE ATRIBUEM A FORMAÇÃO PRIMÁRIA A UMA COMBINAÇÃO FORTUITA DA MATÉRIA, OU POR OUTRA, AO ACASO?
“Outro absurdo! Que homem de bom-senso pode considerar o acaso um ser inteligente? E, demais, que é o acaso? Nada.”
A harmonia existente no mecanismo do Universo patenteia combinações e desígnios determinados e, por isso mesmo, revela um poder inteligente. Atribuir a formação primária ao acaso é insensatez, pois que o acaso é cego e não pode produzir os efeitos que a inteligência produz. Um acaso inteligente já não seria acaso.

9. EM QUE É QUE, NA CAUSA PRIMÁRIA, SE REVELA UMA INTELIGÊNCIA SUPREMA E SUPERIOR A TODAS AS INTELIGÊNCIAS?

“Tendes um provérbio que diz: Pela obra se reconhece o autor. Pois bem! Vede a obra e procurai o autor. O orgulho é que gera a incredulidade. O homem orgulhoso nada admite acima de si. Por isso é que ele se denomina a si mesmo de espírito forte. Pobre ser, que um sopro de Deus pode abater!”
Do poder de uma inteligência se julga pelas obras. Não podendo nenhum ser humano criar o que a Natureza produz, a causa primária é, conseguintemente, uma inteligência superior à Humanidade.
Quaisquer que sejam os prodígios que a inteligência humana tenha operado, ela própria tem uma causa e, quanto maior for o que opere, tanto maior há de ser a causa primária. Aquela inteligência superior é que é a causa primária de todas as coisas, seja qual for o nome que lhe dêem.


--> A GÊNESE - CAP.II - EXISTÊNCIA DE DEUS


6. - A ISTO OPÕEM ALGUNS O SEGUINTE RACIOCÍNIO:

As obras ditas da Natureza são produzidas por forças materiais que atuam mecanicamente, em virtude das leis de atração e repulsão; as moléculas dos corpos inertes se agregam e desagregam sob o império dessas leis.

As plantas nascem, brotam, crescem e se multiplicam sempre da mesma maneira, cada uma na sua espécie, por efeito daquelas mesmas leis; cada indivíduo se assemelha ao de quem ele provejo; o crescimento, a floração, a frutificação, a coloração se acham subordinados a causas materiais, tais como o calor, a eletricidade, a luz, a umidade, etc. O mesmo se dá com os animais. Os astros se formam pela atração molecular e se movem perpetuamente em suas órbitas por efeito da gravitação. Essa regularidade mecânica no emprego das forças naturais não acusa a ação de qualquer inteligência livre. O homem movimenta o braço quando quer e como quer; aquele, porém, que o movimentasse no mesmo sentido, desde o nascimento até a morte, seria um autômato. Ora, as forças orgânicas da Natureza são puramente automáticas.

Tudo isso é verdade; mas, essas forças são efeitos que hão de ter uma causa e ninguém pretende que elas constituam a Divindade. Elas são materiais e mecânicas; não são de si mesmas inteligentes, também isto é verdade; mas, são postas em ação, distribuídas, apropriadas às necessidades de cada coisa por uma inteligência que não é a dos homens. A aplicação útil dessas forças é um efeito inteligente, que denota uma causa inteligente. Um pêndulo se move com automática regularidade e é nessa regularidade que lhe está o mérito. É toda material a força que o faz mover-se e nada tem de inteligente. Mas, que seria esse pêndulo, se uma inteligência não houvesse combinado, calculado, distribuído o emprego daquela força, para fazê-lo andar com precisão? Do fato de não estar a inteligência no mecanismo do pêndulo e do de que ninguém a vê, seria racional deduzir-se que ela não existe? Apreciamo-la pelos seus efeitos.

A existência do relógio atesta a existência do relojoeiro; a engenhosidade do mecanismo lhe atesta a inteligência e o saber. Quando um relógio vos dá, no momento preciso, a indicação de que necessitais, já vos terá vindo à mente dizer: aí está um relógio bem inteligente?
Outro tanto ocorre com o mecanismo do Universo: Deus não se mostra, mas se revela pelas suas obras.

TODO HOMEM SABE QUANTAS SEMENTES TEM NUMA MAÇÃ.
SÓ DEUS SABE QUANTAS MAÇÃS TEM NUMA SEMENTE.


Fonte: Proparnaíba / Imagem: Escala do Big Ben do cafeastronomico.blogspot.com

PESQUISA ACADÊMICA SOBRE ESPIRITISMO NO BRASIL

O professor José do Carmo Rodrigues realiza pesquisa sobre a conversão ao espiritismo no Brasil, como tema de sua tese de doutorado em Ciências da Religião, na Universidade Metodista de São Paulo.

A pesquisa se destina às pessoas que se converteram ao Espiritismo, isto é, vieram de outras religiões para a Doutrina Espírita.

Essa pesquisa é de nível nacional e está disponível no link:

http://pt.surveymonkey.com/s/espiritismo_conversao

O Professor Rodrigues convida os espíritas do Brasil para acessarem o site e responderem a pesquisa e agradece pela colaboração emprestada.


Fonte: Blog da FEPI

AGENDA REFORMA ÍNTIMA 32ª SEMANA



"Unir a mais firme resistência ao mal com a maior benevolência para com o malfeitor. Não existe outro modo de purificar o mundo."

[Mahatma Gandhi]



Meta do Mês: Desenvolver a Caridade Moral.


"E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido."

[Paulo - Gálatas, 6:9]


Meta da Semana: Desenvolver a Benevolência.


Como: Benevolência com o próximo: seja solidário sem nenhum tipo de exigência ou solicitação.


Sugestão de prece diária: Prece ao anjo da guarda rogando estímulo à prática da caridade.

"Sede brandos e benevolentes para com tudo o que vos seja inferior. Sede-o para com os seres mais ínfimos da criação e tereis obedecido à lei de Deus."

[Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, 83. ed., perg. 888-a]


Exercício da Semana: Metas de Reforma Íntima

Em uma folha de papel (de preferência sua agenda ou um caderno só para esses exercícios), escreva metas para que possas estar vivenciando a Caridade Moral ao longo da semana.


- Perante o próximo.
- Perante à familia.
- Perante o trabalho profissional



Que essa semana seja abençoada com muita Paz & Luz

- Equipe de divulgação do Lar da Caridade -